Petrobras . #DaquiPraFrente

Petrobras

#DaquiPraFrente

Nos últimos meses, trabalhamos duro para trilhar novos caminhos.Saiba o que estamos fazendo.

Mar calmo
nunca fez
bom marinheiro.

Que medidas a
Petrobras tem tomado
para evitar desvios?

O que a Petrobras
está fazendo para
prevenir a corrupção?

A Petrobras está colaborando
com as investigações
da Operação Lava Jato?

O que muda com o novo modelo de governança e gestão organizacional?

O que muda com o novo modelo de governança e gestão organizacional?
Com este novo modelo, haverá uma diminuição de 43% nas cerca de 5,3 mil funções gerenciais em áreas não operacionais, superando a meta que fixamos inicialmente em 30%. Além dessa redução das funções gerenciais, nossa nova estrutura também prevê a redistribuição de atividades e a fusão de algumas áreas. Estimamos reduzir nossos custos em atéR$ 1,8 bilhão por ano com essas medidas. Outro fator importante é o fortalecimento do mecanismo de responsabilização dos gestores. A revisão do nosso modelo de governança e gestão organizacional ocorre em função da necessidade de alinhamento corporativo ao novo ambiente de negócios, da priorização da rentabilidade e disciplina de capital, do fortalecimento dos controles e conformidade dos processos, além da ampliação dos níveis de responsabilização dos executivos.

Como a Petrobras está
aumentando a segurança
nas contratações?

O que a Petrobras
está fazendo para
melhorar a gestão?

O que a Petrobras
está fazendo para melhorar a gestão?
Confira algumas medidas que adotamos com o intuito de fortalecer a nossa governança:
- Tornamos mais rigorosa a gestão de fornecedores para aumentar a segurança nas contratações de bens e serviços e mitigar riscos de fraude e corrupção. A partir desse processo conhecido como Due Diligence de Integridade, para integrar o cadastro, as empresas têm de prestar informações sobre estrutura, finanças e mecanismos de conformidade para o combate à fraude e à corrupção.
- Nossos gestores passaram a ter as decisões individuais limitadas. Daqui em diante as decisões são colegiadas.
- Todos os projetos na companhia antes de ser aprovados passaram a ser submetidos à avaliação de um Comitê de Investimentos que leva em conta os possíveis riscos, inclusive do ponto de vista de integridade, dando mais qualidade, segurança e transparência ao processo.
- Criamos um novo Canal de Denúncia, administrado por uma empresa independente e especializada nos serviços de recebimento, coleta e escuta de denúncias.

Por que o preço dos
combustíveis nos postos
não acompanha a queda
do preço do petróleo
no mercado internacional?

Por que o preço dos combustíveis nos postos não acompanha a queda do preço do petróleo no mercado internacional?
Adotamos uma nova política de preços para a gasolina e o diesel vendidos em nossas refinarias às distribuidoras que tem como base dois fatores: a paridade com o mercado internacional mais uma margem que será praticada para remunerar riscos inerentes à operação, como volatilidade da taxa de câmbio e dos preços sobre estadias em portos e lucro, além de tributos. Além disso, passamos a decidir pelo menos uma vez por mês, seguindo a tendência do mercado internacional, se haverá manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias. Assim, procuramos ter aderência de curto prazo em relação a movimentos do mercado internacional.
Como resultado dessa nova política, reduzimos em 15/10 o preço do diesel em 2,7% e da gasolina em 3,2% nas nossas refinarias. O reajuste ao consumidor final depende de outros integrantes da cadeia de petróleo,especialmente distribuidoras e postos de combustíveis. O nosso site apresenta informações detalhadas e atualizadas semanalmente sobre a composição dos preços dos combustíveis, sua cadeia de comercialização, e uma comparação com outros países.

A Petrobras é referência
mundial em tecnologia?

Como a Petrobras está
lidando com o atual
problema de caixa?

Como a Petrobras está
lidando com o atual
problema de caixa?
Com as premissas de redução da dívida da companhia e geração de valor para nossos acionistas, reduzimos recentemente em US$ 11 bilhões a previsão de investimentos para o biênio 2015-2016, mantendo a prioridade em projetos de exploração e produção de petróleo, com ênfase no pré-sal. Em outra frente, iniciamos a adoção de medidas para reduzir os gastos operacionais gerenciáveis (custos e despesas totais, excluindo-se a aquisição de matéria-prima) e reforçar o ganho de produtividade. Além disso, estamos racionalizando as estruturas organizacionais e reorganizando os negócios. Por fim, mas não menos importante, conquistamos na Justiça o ressarcimento dos danos financeiros causados por atos irregulares cometidos contra a empresa. Até o momento (jul/2016), foram devolvidos R$ 309 milhões para nosso caixa, repatriados por ação do Ministério Público Federal.

Como o preço do
petróleo influencia os
negócios da Petrobras?

Qual o futuro
do combustível?

Como são testados
os produtos antes
do lançamento?

Como o automobilismo
ajuda no desenvolvimento
de combustíveis?

Por que a Petrobras
toma empréstimos se está endividada?

Por que a Petrobras
toma empréstimos se está endividada?
O desenvolvimento de nossas reservas de petróleo e gás natural e a manutenção de todas as nossas atividades demandam significativos investimentos. Parte desses investimentos é realizada com a geração própria de caixa da companhia. No entanto, ainda precisamos de outras fontes de recursos para conduzir os projetos estabelecidos no nosso plano de negócios e gestão. A obtenção de capital de terceiros (financiamentos) é uma das opções da que temos. Além disso, uma outra meta do nosso plano de negócios 2015-2019 é a geração de valor ao acionista, o que significa focar os investimentos em projetos mais rentáveis, especialmente no desenvolvimento do Pré-sal. Acreditamos que com esses investimentos mais focados, teremos uma maior geração de valor, permitindo reduzir nosso endividamento e alavancagem, minimizando as necessidades de captação de novas dívidas.

E sobre a
Operação Lava Jato?

Estamos tomando uma série de providências e aprimorando nossos mecanismos de gestão.
Criamos a diretoria de Governança, Risco e Conformidade, implementamos comissões
internas de apuração e lançamos um canal de denúncia independente.
Saiba mais sobre essas e outras medidas.